Buscar
  • Natalia Prado

5 DICAS QUE TRANSFORMARÃO SEU NEGÓCIO ONLINE

Atualizado: 4 de Dez de 2019


Trabalhar em casa, apenas com a internet, e construir a tão sonhada liberdade já não é mais apenas um sonho, é realidade para muita gente.


Munida apenas de um computador com acesso à internet, um Smartphone e uma mesa para trabalhar, essa é a forma de se começar a empreender online. Mas nem tudo são flores, e toda empreendedora vive seus momentos difíceis também.


A instabilidade de renda, a solidão, a pressão constante, o acúmulo de tarefas, a falta de clareza e maturidade emocional e os resultados que não aparecem... Enfim, são diversas outras coisas que atrapalham nesse processo. Mas hoje vou te dar dicas incríveis para fazer com que o seu negócio digital bombe de verdade!


CHEGA DE DESCULPAS, CHEGA DE ESFORÇO SEM RESULTADO!

Anota tudo aí!


Planejamento Financeiro e Metas

O quanto você precisa para manter seu negócio online funcionando? Liste tudo o que você já investe e o que precisa começar a investir, do contrário, não sairá do chão.

Nessa lista precisam estar as ferramentas pagas que você usa para trabalhar, hospedagem do site, publicidade paga, cursos da sua área para fazer, equipamentos para investir e etc.

Com a lista feita agora é hora do choque!

Aprender a separar o pessoal do profissional aqui é fundamental. Ou seja, estipule uma meta para seu negócio e outra para o seu pagamento, porque aqui é a sua empresa que te paga ou não o seu salário.

Muita gente trabalha, pega o dinheiro que ganha e gasta apenas com si mesmo, esquecendo que precisa reinvestir na empresa e ter um capital de giro.

Encarar o simples fato de fazer alguma coisa na internet como uma empresa de verdade é o que separa meninas de mulheres e meninos de homens.

Encare-se como uma empresária. Se porte como uma. Pense e aja como uma.

Não faz ideia de como fazer isso? Invista em cursos rápidos de administração e empreendedorismo. Muitos cursos do SEBRAE que são gratuitos, inclusive, e vão te ajudar.

Estipule metas de vendas, de ganhos e trabalhe com afinco para isso. Sem planejamento financeiro, sem encarar o negócio online como empresa e sem ter metas claras, dificilmente seu projeto sairá do chão.


Crie uma marca coesa, forte e engajada

Sua empresa é você mesma. E como está a imagem dela nesse momento? Suas fotos, textos e vídeos representam quem você é ou o que você quer? Elas mostram, de fato, sua personalidade e propósito?

Quando você pensar em marca pessoal deve ter bem resolvido “qual será o teu legado” “no que o teu trabalho vai ajudar as pessoas?” “como alguém pode mudar de vida ao comprar meu serviço?” “Como alguém pode se tornar meu fã?”

Se você ainda não tem isso claro, sugiro reavaliar seus valores pessoais e seus objetivos com o seu projeto.

Para que exista uma marca forte, coesa e engajada é preciso ter uma mulher forte, coesa e engajada com seu projeto e com as pessoas, principalmente. É necessário consciência de que nesse momento de decisão você escolhe colocar um alvo bem grande nas suas costas e tomar a frente de um movimento.

Somente nesse momento é que as coisas vão começar a sair do lugar, pois movimento gera mais movimento.

Se você ainda não está pronta para ter esse alvo nas costas e enfrentar as críticas, lidar com sua imagem crescendo estrondosamente, bem… esse ainda não é o seu momento. E não precisa ter 10 milhões de pessoas te conhecendo, você apenas sendo a referência na sua área de atuação e mudando uma vida a cada dia já é um grande salto.


Ninguém cresce sozinha

Já ouviu falar de Construção de Comunidade Online? Bom, se você está tendo poucas visualizações em seus vídeos, poucos comentários reais, poucas vendas, se você se esforça dia e noite e o resultado não vem, então você ainda não começou a construir a sua comunidade.

Comece a se preocupar de verdade com as pessoas que estão te acompanhando. Mande perguntas para elas, interaja nas coisas delas, responda com carinho e atenção cada comentário, e mais: faça uma lista de pessoas que você admira muito e que você deseja fazer um vídeo junto ou uma live.

E se a pessoa não aceitar? Não tem problema, parta para outra.

Além de produzir coisas de valor, verdadeiras e que estejam em sentido com teu propósito, comece a criar a sua comunidade.

Para que isso aconteça exige tempo, dedicação, amor e muita consistência.


Terceirize tarefas ou invista em ferramentas que automatizem algumas delas.

Se você está começando agora o ideal é você não ter muitos gastos. Mas se for quase inviável manter abastecida toda a sua estrutura online com posts, vídeos, legendas, e-mails e etc, o ideal é contratar Freelancers para dar um suporte.

Ferramentas de automação como LeadLovers, Studio de Criação do Facebook, Planoly e etc vão te ajudar no seu tempo de planejamento e produtividade. Quanto mais estratégica você for, menos você desperdiça energia e tempo.

Você não consegue produzir mais coisas que trazem retorno se fica presa em coisas operacionais que só tomam tempo.

Investir em alguém para te ajudar a manter a consistência e a qualidade é o próximo passo. Investir numa boa ferramenta também.


Aprenda a vender

Saber vender o seu serviço, o seu produto ou a sua imagem é o que vai fazer seu negócio crescer, afinal, like não paga boleto.

O resultado do nosso trabalho vai ser medido através de duas coisas: vendas e impacto na comunidade.

Se a sua comunidade online não crescer é porque você ainda não se deu conta de que precisa dela ou não percebeu que ela existe. Se você não vende é falha em algum processo anterior ao das vendas, como conteúdos de valor, e jornada do consumidor bem feita.

Vender não é enganar, não é criar um personagem para tentar ser a diferentona. Vender é simplesmente criar relacionamento e manter eles engajados com a sua marca.

Para começar a vender, volte no segundo item dessa lista e responda àquelas perguntas. Depois, faça uma outra lista: todas as dúvidas dos seus seguidores e clientes. Ao responder essas perguntas você vai estar mais ciente daquilo que faz.

E vender, a partir daqui, será consequência dos passos anteriores. Não tente sair vendendo sem antes ter planejamento, sem antes ter noção se deseja ou não o alvo nas costas, sem conseguir terceirizar e reinvestir na sua empresa, sem criar a sua comunidade.


Espero que essas dicas tenham te ajudado. Se ajudou, não esquece de compartilhar com as suas amigas.


--> CANVA PARA NEGÓCIOS

https://go.hotmart.com/H18808570Y


--> CURSOS PROFISSIONALIZE INSTA

http://0e99c85.contato.site/instagram-para-negocios-front


--> FÓRMULA NEGÓCIO ONLINE

https://go.hotmart.com/K9135456A


65 visualizações

Você só precisa de um 

sim o seu!

  • whatsapp-logo-variant
  • YouTube - Black Circle
  • instagram
  • LinkedIn - Black Circle

Faça parte da minha lista Vip

© 2019 POR ESPECIALISTA SOCIAL. - CRIADO POR NATALIA PRADO